Imigração Espanhola

Minha avó Felipa e meu bisavô Domingos Alonso eram espanhóis de Zamora. Estou no rastro deles. E dos demais espanhóis que fugiram da fome no final do Século XIX e vieram fazer América em Bragança, Pará, Amazônia, Brasil. Mas não estou só. Francisco Smith, pesquisador da UFPA, também se dedica ao tema e vai fazer uma dissertação de mestrado sobre a imigração espanhola. Jorge Evangelista, bolsista da UFPA, me ajuda a pesquisar documentos no Arquivo Público. Parte do material que ele recolheu e recolherá ainda servirá também para a dissertação de Francisco Smith.
Estive em Zamora em maio deste ano, mas não consegui encontrar os registros de minha avó e meu bisavô. Eles eram pessoas pobres e viviam em alguma cidade ou aldeia da província de Zamora, e não na capital. Espero um dia localizar algum documento contendo o local de nascimento deles, para que eu possa pesquisar no registro civil ou paroquial.
Jorge Evangelista já coletou alguns documentos bem interessantes. Um deles é uma propaganda distribuída na Espanha pelo governo do Pará, destinada a los espanholes que desean emigrar al Estado del Pará.
Definitivamente, eram outros os tempos dos dois lados do Atlântico e na Amazônia Oriental.

DSC00092

Comentários

Anônimo disse…
Olá Sr. Alencar;
Sua iniciativa foi muito boa, acredito que isso abrirá portas para que pessoas com o mesmo interesse possam trocar informações. Um abraço. Prof. SMITH
Marbary disse…
Parabens pela iniciativa.Meu avô.Valeriano Gonçalves(nome aportuguesado) era eapanhol e imigrou para o Pará no final do século XIX,tendo sido membro de uma entidade que parece ter sido algo como União Espanhola.Como conseguir maiores informações sobre o fato? Agradeceria se tivesse maiores informações.
José Lopes( jrclopes@gmail.com)
Soc Ferreira disse…
Muito boa iniciativa!!! Assim quem sabe, Voce lança luz sobre o passado dessas familias imigrantes que a historia parece que esqueceu.
Abraços e sucesso!
Socorro Ferreira
PS: Também neta de imgrante espanhola que veio para Bragança
Meu pai foi em Bragança procurar o registro de meu avô,nascido lá mas filho de espanhóis mas,os mesmos foram perdidos em um incêndio na igreja,que era aonde se faziam os registros na época.

Postagens mais visitadas