Walmir Costa na cabeça

Walmir Costa é Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da Oitava Região (Pará e Amapá). Mestre em Direito pela Universidade Federal do Pará, sua dissertação de mestrado - sobre dano moral - é referência para os profissionais da área.
Há anos ele está convocado para compor o Tribunal Superior do Trabalho, primeiro por indicação do Ministro Ríder Brito, atual Presidente do Tribunal, e depois, pelo Ministro Gelson de Azevedo. A convocação termina hoje.
Em sessão ainda em curso, ele acaba de ser escolhido pelos Ministros do Tribunal Superior do Trabalho, por unamimidade, para encabeçar a lista de indicados à Presidência da República, para uma das vagas de Ministro desse Tribunal.
Minhas - nossas - homenagens pela merecida indicação e votos de êxito nesse esforço para se tornar o quarto Ministro paraense naquele Tribunal.

Comentários

Yúdice Randol disse…
Apesar de afastado há anos do foro trabalhista, nos anos que passei advogando nele aprendi a respeitar o Des. Walmir Costa, por sua inteligência, sua cortesia, a qualidade e a humanidade de suas decisões. O TST ganha com ele chegando a seus quadros (Deus o permita). E como paraense adora dizer que A ou B representa o Estado aqui e ali, poderemos dizer que ele engrandecerá o nome deste Estado naquela Corte.
Lafayette disse…
Nunca atuei em processo que o Dr. Walmir tivesse participado... nem como juiz de vara, nem como, outrora juiz togado...

E nem, como, a pouco, Ministro convocado...

Espero que, amanhã, eu estréie com ele já Ministro efetivo, pra ver se ele o é mesmo tudo aquilo que escuto desde antes de me formar!

Como dirá o blogueiro: "O Lafayette não perde por esperar!"

:):):):):)
Walmir Oliveira da Costa disse…
Amigo Des. Alencar,
Parabéns pelo blog. Agradeço pela amizade e apoio prestado. Grato ao Dr. Randol pelo elogio.
Quanto ao Dr. Lafayette, de minha biografia, digo-lhe que advoguei oito anos, sou juiz concursado desde 1989 e fui convocado para o TST em 2000, onde proferi mais de 14.000 julgamentos, em cinco anos e meio de convocação. Basta ver no site do TST, ou, então, ler minhas obras publicadas, para conhecer meu pansamento sobre a Lei e a Justiça. Caro Doutor, terei grande honra, se Ministro, ou como Juiz do TRT, de "estrear" em processo seu. "Não perco por esperar."
Ao ensejo, peço apoio de todos os paraenses e nortistas para que o Pará e o Norte tenham mais um ministro no TST. Já fiz minha parte. Abraços a todos.
Walmir Oliveira da Costa
Walmir Costa disse…
Errata: onde se lê "pansamento", leia-se "pensamento".
Walmir Costa
Lafayette disse…
Não li ainda as suas obras. Vou comprar o "Dano Moral nas Relações Laborais". E baixar uns "Inteiro Teor" nos sites.

Espero estrear com vitória de tese defendida... o senhor sendo prolator em votação apertada... algo como 2x0 contra meu ciente até antes do seu voto, e 3x2 ao final... rsrsrsrs

Ou, quem sabe, convencendo-me que estava errado...

Brincadeiras a parte, sou muito novo nessas pradarias trabalhistas. 11 e poucos anos de formado, sendo meus primeiros 4 anos, quase 100% nos fóruns cíveis.

Mas, como disse, vira e mexe escuto coisas boas suas... que é bom... que sabe das coisas e tal...

Dr. Walmir, não perdemos então! ;-)
Lafayette disse…
Ah!, e conte com meu apoio (sei lá se é grande coisa, mas conte) no ruma da vitória para nomeação.

Ah! de novo, lembrei-me agora que já ouvi um belo elogio seu de um ex-ministro do TST, que, na oportunidade, lamentou a atuação de outros dois convocados paraenses (nem sob tortura revelo os nomes! rsrsrsrsrsrsrs).

Saudações.
Rodrigo disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JOSÉ DE ALENCAR disse…
Prezados Yúdice e Lafayette.

Agradeço, em nome próprio e do colega Walmir Costa, os comentários e bons augúrios (que também espero se tornem realidade).

Abraços do

Alencar

Postagens mais visitadas