Companheiras e Companheiros de Viagem

Fazia um tempao que nao viajava em grupo.
Terminei incorporado a um grupo na Guatemala. Beleza.
Eram dois jovens casais espanhóis (José, Maria Tereza, Carlos e Sílvia), a cunhada de José (Heloisa) - todos bascos - e duas jovens argentinas de mais de 80 anos cada uma (Maria e Clara, Mari e Clarita).
As duas jovens argentinas esbanjavam vitalidade, jovialidade e bom humor. Mari é de San Luis (me convenceu a visitar sua lojinha de artesanato do mundo inteiro) e Clarita de Buenos Aires. Sao consogras que rodam o mundo juntas. Encaram praticamente todos os desafios. Claro, nao escalam vulcoes. Mas chegam perto.
Os amigos espanhóis desde o primeiro minuto pareciam primos distantes que havia reencontrado depois de relembrar a colonizaçao de Bragança pelos antepassados.
José e Maria Tereza fizeram o Caminho de Santiago de bicicleta. Carlos e Sílvia vivem em Pamplona. E Heloisa vive em Granada. Assunto garantido para o resto da viagem.
A Guatemala está despertando agora para o turismo. Isso é bom. Ainda nao está americanalhada como a Costa Rica. Espero que nunca fique.
Por isso as anedotas dos guias e motoristas sao de verdade, e nao aquela piada pronta para agradar turista americano ou horrorosas dinâmicas de grupo para passar o tempo.
Rolando (motorista) e Ciro (guia) contavam anedotas que de fato ocorreram com eles ou com os guatemaltecos. E fustigavam sempre que podiam os políticos guatemaltecos, conhecidos como ratas de corbatas. Falar mal de políticos e futebol sao os dois esportes nacionais.
Alegria garantida.
Amizade certa.
E gratidao para sempre.
Por essas e por outras é que voltarei a Espanha, Guatemala e Argentina.
Gracias, amigas y amigos.

Comentários

Anônimo disse…
Mestre Alencar...
Hum hum!!!
Ao ler seus relatos sobre suas viagens dá uma vontade!
Você merece meu querido. A impressão que tenho é que estás viajando duplamente. Tipo assim: concretizando agora, muitas viagens mentaís feitas outrora...
Bom acho que agora quem viajou fui eu rsrsrs.
Detesto te incomodar, mas, retornas quando? Aceitas discutir redução de jornada de trabalho sem redução de salários com a UGT?
Sem querer cortar seu "barato" de férias,
toda sorte do mundo
Cristina Nascimento
JOSÉ DE ALENCAR disse…
Carissima Cristina.

Com certeza conte comigo, voce e a Central.

E' so' ajustar a agenda para depois do dia 2 de junho, quando voltarei ao batente.

Abracos do


Alencar

Postagens mais visitadas