Lafayette, um francês dos trópicos

Lafayette é advogado e leitor deste blog.
Tem nome e (bons) modos franceses. É quase um francês dos trópicos.
Vejam porque, lendo este comentário dele:

A falta de tempo, mais faz ficar sem tempo para os blogs dos amigos.
Vi que o tema "Belém" rondou bastante por aqui.
Desde que me entendo por gente, vejo Belém ser mal e mau-tradada, POR TODOS!De moradores à ex-moradores, de turistas à gestores! TODOS!
O que ainda fez alguma coisa (desde que me entendo, já disse) foi o Edmilson, em algumas ruas de bairros que nunca, até então, tinham visto e sentido a cor e cheiro de asfalto novo.Moro debruçado sobre a Praça Batista Campos.
Todo dia (quase) ando com minha Mel por lá. Uma Goldem Retriever.Do que observo, sou o único a recolher, incontinentemente, o cocô dela.Penso em tudo. Gasto uma pequena fortuna em ração especial que faz com que o "serviço" não saia pastoso, mas, sim, praticamente seco, assim, recolho sem deixar resto.
Treinei ela para fazer xixi na caixa de tela especial, lá no apartamento. Quando ela tem vontade de fazer na praça (ou em qualquer lugar onde não tenha a sua caixinha), ela foi treinada a fazer somente em local de areia, e nunca, em cimento (calçada etc).
Mas, é uma pena ver que só eu penso nesses cuidados por lá.Sempre pensei que, de grão em grão, a sociedade enche o caminhão. Pena que cada um não faz o seu, a sua parte.
Quando esqueço de trocar o saquinho pendurado na marcha do carro, o chão do meu carro fica parecendo o da Terraplena. Sujo dentro, mas não jogo nada pela janela.
E por aí vai...Quando os vereadores de ocasião, votaram a lei de ocasião, pensei: -agora ...deusse!Quase todo fim-de-semana vou no Tenoné, lá pras bandas de Icoaraci.-É inimaginável o que um mototaxista é capaz de fazer! (isso é, se ele for mototaxista mesmo, o serigrafou a camisa e saiu pras ruas!)
Se vai ficar pior?
A gente ainda não viu nada!
Quarta-feira, Março 14, 2007 4:57:00 PM

Comentários

Yúdice Randol disse…
Como também tenho publicado bastante sobre o sentimento egoísta de nossos concidadãos, não poderia deixar de louvar o tema e a lucidez com que as idéias foram expostas.
Além disso, caro Alencar, espero que não se aborreça, mas gostaria de me aproveitar do espaço e da ocasião para perguntar ao seu amigo Lafayette se a sua adorável Mel já tem idade e não estaria interessada num namorado da mesma raça, com pedigree, dois anos de idade e lindo, com vistas à procriação ou, ao menos, à satisfação de instintos básicos da espécie. Estou atrás de uma fêmea na cidade, mas até o momento só sabia de uma, ainda muito nova. Se você puder fazer esse contato, eu e Frodo agradecemos.
JOSÉ DE ALENCAR disse…
Meu caro Yúdice.

Obrigado pela leitura.

Acho que o Lafayette não tem ciúmes.

E vale tudo em favor da cidade.

Abraços
Lafayette disse…
Yúdice (não sei se você se lembra ou se sou eu que me lembro errado, mas acho que fizemos Introdução ao Direito I - ah, Daniel Coelho de Souza - na finada UFPA).

A Mel tem 1 anos e 10 meses, e vai entrar no 3º cio (momento correto para iniciar os cruzamentos) em Julho. Porém...

Para se deitar com a Mel, tem que:

a)O honrado conhecê-la antes, passeando por alguns dias na praça, paquerando nos coretos, nas pontes sobre os laguinhos etc.;
b) Ela se agradar do honrado;
c) O honrado ser gentil;
d) O honrado ser um honrado de valor, com boas intenções, e de boa índole;
e) Ela já tem 4 pretendentes, porém, Yúdice, te dou uma dica, nenhum deles ainda se dispôs a demonstrar, sequer, uma das outras dicas acima ditas.

Ah, e gostar de escutar Paul Maccartney. Duvida? Vai aqui, e entra no álbum dela:

http://www.orkut.com/Home.aspx?xid=1072494464712553062

Abraços.
Yúdice Randol disse…
Lafayette, realmente não me lembro se cursamos IED I na mesma turma. Sabe como é: faz 15 anos e a memória já não é a mesma...
Como não somos bestas, eu e Frodo, trataremos de demonstrar as características exigidas, antes dos demais.
O item "a" é fácil; basta marcar. O "b" só depende da Mel. "c" e "d" ele preenche, na minha isenta visão de pai. Só que, como não convive com outros cães, temo que ele fique um pouco agitado e se comporte mal num primeiro encontro, mas ele se acostuma rápido e passa a se comportar melhor.
Por favor, entre em contato comigo por e-mail, yudice@superig.com.br, ou me informe o seu, pois se ficarmos nessa agência cinomatrimonial aqui, o Alencar vai nos convidar a visitar outras freguesias.
Abraços em ambos. E na Mel (porque abraçar um golden é uma delícia).

Postagens mais visitadas